J.S.Bach (1685-1750) – Cantatas Profanas (1 de 8 CDs)

A Cantata BWV 201 (O Duelo entre Febo e Pã), possivelmente aporesentada em 1729, é uma burlesque satírica escrita por Picander, baseada nas Metamorfoses de Ovídio, em que Picander e Bach ridicularizavam as novas tendências da música. Febo, representando a tradição, entra numa competição de canto com Pã, o representante da nouvelle vague. Entre os juízes, Tmolus é a favor de Febo, enquanto Midas prefere o canto insensato de Pã e, em punição por seu julgamento defeituoso, recebe longas orelhas de burro.

Esta enorme Cantata, de quase 50 minutos, não é das melhores que meu pai escreveu, mas nos vingaremos nas próximas postagens, pois a seqüência das cantatas 202, 203 e 204 é sensacional.

Der Streit zwischen Phoebus und Pan, BWV 201

Composer Johann Sebastian Bach (1685 – 1750)
Conductor Helmuth Rilling
Performers: Sibylla Rubens (Soprano), Ingeborg Danz (Alto), Lothar Odinius (Tenor), James Taylor (Tenor), Matthias Goerne (Bass), Dietrich Henschel (Bass)
Ensemble: Stuttgart Bach Collegium; Gachinger Kantorei Stuttgart

1 Chorus: Geschwinde, Ihr Wirbelnden Winde
2 Recitativo: Und Du Bist Doch So Unverschamt Und Frei
3 Aria: Patron, Das Macht Der Wind Listen
4 Recitativo: Was Braucht Ihr Euch Zu Zanken
5 Aria: Mit Verlangen Druck Ich Deine Zarten Wangen
6 Recitativo: Pan, Rucke Deine Kehle Nun
7 Aria: Zu Tanze, Zu Sprunge
8 Recitativo: Nunmerhro Richter Her
9 Aria: Phowbud, Deine Melodie
10 Recitativo: Komm, Midas, Sage Du Nun An
11 Aria: Pan Ist Meister, Lasst Ihn Gehen
12 Recitativo: Wie, Midas, Bist Du Toll
13 Aria: Aufgeblasne Hitze
14 Recitativo: Du Guter Midas, Geh Nun Hin
15 Chorus: Labt Das Herz, Ihr Holden Saiten

BAIXE AQUI

8 comments / Add your comment below

  1. Valeu a força, P.Q.P., infelizmente não poderei chegar na gatinha e convidá-la para ouvir a minha coleção de Bach em casa, pois senão iria apanhar da minha mulher, do sogro, e dos cunhados (e se você visse o tamanho deles iria entender meu medo!!!). Estou ouvindo com atenção as gravações do Bruhl-Muller que vc postou da obra orquestral do seu pai. Assim que puder, te passarei a gravações que o Trevor Pinnock com seu English Concerts fez das mesmas obras. E assim seguimos, sempre agradecidos pela possibildade de poder ter acesso a este material maravilhoso…

  2. Não sei se já te passei este link, mas aí vai, para todos os amantes e apaixonados por estas obras:www.bach-cantatas.com.Como o nome diz, trata-se de um site dedicadò às cantatas, entre algumas outras obras de seu pai. Uma a uma, cada cantata é analisada por especialistas, que também analisam as diversas gravações que existem destas peças. Trabalho monumental, que merece toda nossa admiração.

Deixe uma resposta