Kabalevsky (1904-1987): Cello Concerto No. 2 Op. 77 / Khachaturian (1903-1978): Cello Concerto / Glazunov (1865-1936): Chant du Menestrel Op. 71

kk
Kabalevsky: Cello Concerto No. 2 Op. 77 / Khachaturian: Cello Concerto / Glazunov: Chant du Menestrel Op. 71

Aí você tem uma raridade. Os concertos de para Violoncelo e Orquestra de Kabalevsky e Khatchaturian são bastante divulgados na Europa oriental, mas aqui raramente — ou nunca — fazem parte do repertório das orquestras. Uma pena, pois trata-se de boa e divertida música. Eu curto muito estas obras — refiro-me às de Kabalevsky e Khachaturian — que daqui alguns dias reaparecerão aqui no PQP com outros intérpretes. O Glazunov apenas serve para completar o disco.

Kabalevsky: Cello Concerto No. 2 Op. 77 /
Khachaturian: Cello Concerto /
Glazunov: Chant du Menestrel Op. 71

Dmitry Kabalesky (1904-1978)
Cello Concerto No.2 Op.77
1. Cello Concerto No. 2, Op. 77: I. Molto sostenuto – Allegro molto e energico
2. Cello Concerto No. 2, Op. 77: II. Presto marcato
3. Cello Concerto No. 2, Op. 77: III. Andante con molto

Alexander Glazunov (1865-1936)
4. Chant du Ménestrel for Cello and Orchestra Op.71

Aram Khachaturian (1903-1987)
Cello Concerto
5. Cello Concerto: I. Allegro moderato
6. Cello Concerto: II. Andante sostenuto
7. Cello Concerto: III. Allegro (a battuta)

Raphael Wallfisch
London Philharmonic Orchestra
Bryden Thompson

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE

Kabalevsky ensina ao celista Samuel Mayes o que ele deve fazer para ser feliz (foto de 1961)
Kabalevsky ensina ao celista Samuel Mayes o que ele deve fazer para ser feliz (foto de 1961)

PQP

4 comments / Add your comment below

  1. Glória e honra, PQP Bach! Um post com Khachaturian! Eis aí um cara que foi muito injustamente enterrado pela história.

    Você nota que um compositor está esquecido quando é difícil encontrá-lo até mesmo na Naxos. E o concerto para piano do dito-cujo, então, nem se fala… Tinha uma fabulosa gravação dele com o Thibaudet no YouTube, que, infelizmente, sumiu de uma hora para outra.

  2. Glória e honra, PQP Bach! Um post com Khachaturian! Eis aí um cara que foi muito injustamente enterrado pela história.

    Você nota que um compositor está esquecido quando é difícil encontrá-lo até mesmo na Naxos. E o concerto para piano do dito-cujo, então, nem se fala… Tinha uma fabulosa gravação dele com o Thibaudet no YouTube, que, infelizmente, sumiu de uma hora para outra.

Deixe uma resposta