Camargo Guarnieri (1907-1993) – 77 Partituras para piano solo [link atualizado 2017]

Ah, Camargo Guarnieri!…
Cara fantástico, cuja obra é de robustez, elaboração e técnica ímpares! Mais centrado, não era um gênio porra-louca como Villa-Lobos, mas nem por isso menos genial.

Sobre Guarnieri falou Aron Copland, que o conheceu pessoalmente quando ele esteve nos Estados Unidos, no começo dos anos 1940:

Camargo Guarnieri, que agora está pelos trinta e cinco anos de idade, é na minha opinião o mais sensacional dos talentos ‘desconhecidos’ da América do Sul. Suas composições já bem numerosas deveriam ser muito mais conhecidas do que o são. Guarnieri é um compositor de verdade. Tem tudo o que é preciso – personalidade própria, uma técnica acabada e imaginação fecunda. Sua inspiração é mais ordenada que a de Villa-Lobos, mas não menos brasileira… O que mais me agrada na sua música é a sua expressão emotiva sadia – é uma exposição sincera do que um homem sente… Sabe como modelar uma forma, como orquestrar bem, como tratar eficientemente o baixo. O que atrai na música de Guarnieri é o seu calor e a imaginação que vibra com uma sensibilidade profundamente brasileira. É, na sua expressão mais apurada, a música de um continente ‘novo’, cheia de sabor e de frescura.

Toda sua obra é densa e bem acabada, e muitas de suas peças para piano, destaques desta postagem (que não leva um álbum junto), estão entre suas mais bem elaboradas.
E como nós fazemos de tudo pra espalhar a bela música por este mundão de meu Deus, o PQPBach tem hoje o orgulho e a satisfação de disponibilizar, por meios próprios (vão ficar lá no PQPShare), SETENTA e SETE partituras de peças para piano solo do nosso compositor.

Agradeçam o mano CVL, colega pequepiano, entusiasta da música nacional, que deixou há uns anos de postar por estes lados, mas que mantém contato constante com a gente e nos passou essas maravilhas.

Baixem, espalhem, compartilhem, passem para seus amigos pianistas!
Temos que conhecer e ouvir mais as obras desse cara!

Camargo Guarnieri (1907-1993)
77 peças para piano solo

01. Dança Selvagem
02. Dansa Negra
03. Estudos para Piano, 01 a 05
04. Estudos para Piano, 06 a 10
05. Estudos para Piano, 11 a 15
06. Improviso II
07. Ponteios para piano – 1º Caderno (ponteios 01 a 10)
08. Ponteios para piano – 1º Caderno (ponteios 11 a 20)
09. Ponteios para piano – 1º Caderno (ponteios 21 a 30)
10. Ponteios para piano – 1º Caderno (ponteios 31 a 40)
11. Ponteios para piano – 1º Caderno (ponteios 41 a 50)
12. Sonata para piano (parte 1)
13. Sonata para piano (parte 2)
14. Sonatina Nº 1 para piano
15. Sonatina Nº 2 para piano
16. Sonatina Nº 3 para piano
17. Sonatina Nº 4 para piano
18. Sonatina Nº 5 para piano
19. Sonatina Nº 6 para piano
20. Sonatina Nº 7 para piano
21. Sonatina Nº 8 para piano
22. Suite Mirim
23. Toccata para piano

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE (PDF) (42Mb)

Já viu nossos mais de 100 endereços para baixar partituras? Clique aqui

Guarnieri, tieteense, dando uma de capiau do mato.

Bisnaga & CVL

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

9 ideias sobre “Camargo Guarnieri (1907-1993) – 77 Partituras para piano solo [link atualizado 2017]

  1. Segue meu compartilhamento no facebook:

    Geraldo Antonio Rodrigues
    12 h ·
    Para os apreciadores de música clássica dois blogs estão a disposição. São dois blogs completos cujas cópias de músicas podem ser feitas a vontade, sem restrição de qualquer espécie e são muito rápidos para baixar. Dependendo de sua velocidade um CD é copiado em 2 a 3 minutos. Procurem: http://pqpbach.sul21.com.br/ e www.http://oserdamusica.blogspot.com.br/
    O primeiro blog citado tem uma relação muito grande de fontes onde podem ser encontradas partituras de autores nacionais, de Zequinha de Abreu até Guarnieri, Carlos Gomes, etc..

    • Para se cadastrar é só clicar no link “BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE” que está no final de qualquer postagem.
      Ele te encaminha para a central de cadastro, ou seja, direto pro download!
      Baixa lá e sê feliz.
      Isso é para o mundo! Sem burocracia e de graça!

      abração

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *