Ofertórios de André da Silva Gomes (1752-1844) – Acervo PQPBach

9iff5zOfertórios de André da Silva Gomes
Compostos em 1810 e 1811

O ofertório é um dos segmentos da Missa. Nos primórdios da Era Cristã marcava o momento no qual eram admitidos no culto os simpatizantes da nova fé que ainda não haviam sido batizados. É, pois, um momento de abertura, um convite para que novas platéias conheçam as palavras e os ensinamentos do Cristo. Santo Agostinho, em suas Confissões (séc. V), narra que testemunhou um canto baseado nos salmos ocorrido neste momento da cerimônia. Este episódio é aceito tradicionalmente como a referência mais antiga a um canto de ofertório.
Diferente de outros segmentos da Missa, como o Credo e Gloria, o texto do Ofertório varia conforme a data litúrgica. Ora suas evocações exprimem o júbilo proporcionado pela onipresença do Criador, como no Ascendit Deus, ora evocam sentimentos de profunda contrição, e até alguma melancolia, caso do Meditabor. (extraído do encarte)

Ofertórios de André da Silva Gomes
01. Ad te levavi
02. Deus tu convertens
03. Benedixiste Domine
04. Confortamini
05. Laetentur coeli
06. Exaltabo
07. Scapulis suis
08. Meditabor
09. Justitiae Domine
10. Laudate Dominum
11. Confitebor tibi… In toto
12. Improperium
13. Ascendit Deus
14. Mihi autem nimis

Ofertórios de André da Silva Gomes – 1999
Madrigal UMESP – Universidade Metodista de São Paulo
Regente: Fábio Henrique Silva
Órgão: Paulo Augusto Soares
.
acervo-1BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE
XLD RIP | FLAC 267,9 MB | HQ Scans 1,3 MB |

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE
MP3 320 kbps – 109,8 + 1,3 MB – 45,2 min
powered by iTunes 11.0.4

.

 

 

Mais outro CD do acervo do musicólogo Prof. Paulo Castagna. Não tem preço !!!

Boa audição.

2rp4e83

 

 

 

 

 

.

 

.

Avicenna

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

2 ideias sobre “Ofertórios de André da Silva Gomes (1752-1844) – Acervo PQPBach

  1. Nunca ouvi falar dessa história de “ofertório”, Avicenna. Você já tinha esse conhecimento ou tirou a informação de algum lugar? Pois se houver registro de como eram as reuniões (ou cultos) dos primeiros cristãos, bem que isso me interessaria.

    Quanto à postagem, nem sei o que dizer. Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *