Vivaldi – Concerti per Mandolini – I Solisti Veneti – Claudio Scimone

Viva Vivaldi!

Concerti per Mandolini

I Solisti Veneti

Claudio Scimone

 

Antonio Vivaldi, o padre vermelho, nasceu no dia 4 de março de 1678, em Veneza. Ele renasceria em 1950, como nos conta H. C. Robbins Landon no seu livro Vivaldi, Voice of the Baroque. Landon conta que estava em uma loja de discos em Nova Iorque quando ouviu pela primeira vez, assim como os atendentes da loja e os outros clientes, a famosa gravação das Quatro Estações pelo selo Cetra.

Capa do LP com As Quatro Estações”, lançada pelo selo Cetra

Essa música que havia estado adormecida nas prateleiras das bibliotecas por duzentos anos (o dobro da Bela Adormecida) ressurgia para dar início a um dos maiores sucessos da música clássica, a música de Antonio Vivaldi. O renascimento, pelo menos da música, se deve muito a Gian Francesco Malipiero, outro importante veneziano. E como se diz nestas ocasiões, o resto é história…

Eu ouço música de Vivaldi desde antes do movimento dos instrumentos de época. Às vezes nem tanto, mas sempre sofro recaídas. Eram nosso campeões de Vivaldi: I Musici, Raymond Leppard e The English Chamber Orchestra, Neville Marriner e The Academy of St. Martin-in-the-Fields, entre os ingleses. Havia também Jean-Claude Malgoire e La Grande Ecurie & La Chambre du Roy, tantos mais. Depois vieram os HIP (historically informed performance) Christopher Hogwood e The Academy of Ancient Music, Trevor Pinnock e The English Concert. Os italianos Fabio Biondi, Rinaldo Alessandrini e tantos outros.

Capa da edição do disco do post em LP

Hoje, em homenagem a esta tão importante figura da música, alguém que teve suas obras estudadas e adaptadas por Johann Sebastian Bach, apresento um CD que mata um pouco a saudade daqueles dias anteriores ao HIP. Este CD, aos cuidados de musicos venezianos, mostra que a (boa) música tem um brilho que transcende até mesmo modismos interpretativos.

Aproveite a folga do Carnaval para ouvir este brilhante disquinho com lindos e sonoros concertos vivaldianos.

Antonio Vivaldi (1678 – 1741)

Concerto em sol maior, RV 532

  1. Allegro
  2. Andante
  3. Allegro

Concerto em dó maior, RV 425

  1. Allegro
  2. Largo
  3. (Allegro)

Concerto em dó maior, RV 558

  1. Allegro molto
  2. Andante molto
  3. Allegro

Concerto em ré maior, RV 93

  1. (Allegro giusto)
  2. Largo
  3. Allegro

I Solisti Veneti

Ugo Orlandi e Dorina Frati, mandolines
Claudio Scimone

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

 FLAC | 213 MB

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

MP3 | 320 KBPS | 99 MB

Viva, Vivaldi! Desfrutem!

René Denon

 

 

8 comments / Add your comment below

  1. Nada como os gorduchos timbres de instrumentos modernos para compensar, ao menos um pouco, os raquíticos timbres de instrumentos de época tão em voga hoje. Valeu pela postagem.

Deixe uma resposta para René Denon Cancelar resposta