A Família das Cordas: Johann Sebastian Bach (1685-1750) – Três Suítes para violoncelo solo, executadas no contrabaixo – Edgar Meyer

51lHuDMX0YLTemos trocentas gravações dessas Suítes para violoncelo em nossos porões, mas já que chegou a hora do contrabaixo em nossa minissérie, ei-las então executadas no grandalhão.

Não é qualquer um que se dispõe a tal empreitada, e Edgar Meyer, realmente, não é qualquer um. Sua técnica impecável e tremenda musicalidade resultaram numa gravação melíflua das Suítes, que soa mais delicada que muitas feitas no violoncelo (sim, Mstislav: estou olhando pra ti!)

Para esta gravação, Meyer escolheu as suítes primeira (em Sol maior), segunda (em Ré menor) e quinta (em Dó menor). A preferência pelas suítes mais meditativas e em tons menores parece justificar-se num instrumento maior e com cordas menos responsivas – e a singela Sarabande da Suíte no. 5, que Rostropovich considerava o non plus ultra da obra de Bach, soa como uma revelação. Não obstante, Meyer – que certamente confia em seu arco – intercalou-as com a radiante Suíte no. 1, que passa  tocando quase sem transposição, no registro agudo de seu instrumento e sem quaisquer dificuldades aparentes, para volta e meia chamar o baixo profundo dos registros graves, daqueles que fazem até vibrar os sisos de quem os tem.

Se Meyer gravou as demais suítes, eu desconheço. Tomara que sim.

BACH – UNACCOMPANIED CELLO SUITES
Performed on Double Bass – Edgar Meyer

Johann Sebastian BACH (1685-1750)

Suíte no. 2 em Ré menor, BWV 1008

01 – Prélude
02 – Allemande
03 – Courante
04 – Sarabande
05 – Menuet I-II
06 – Gigue

Suíte no. 1 em Sol maior, BWV 1007

07 – Prélude
08 – Allemande
09 – Courante
10 – Sarabande
11 – Menuet I-II
12 – Gigue

Suíte no. 5 em Dó menor, BWV 1011

13 – Prélude
14 – Allemande
15 – Courante
16 – Sarabande
17 – Gavotte I-II
18 – Gigue

Edgar Meyer, contrabaixo

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE

Camiseta, bermuda, papete - e MUITO talento.
Edgar Meyer: camiseta, bermuda, papete – e MUITO talento.

Vassily Genrikhovich

6 comments / Add your comment below

  1. O Edgar é muito bom. Mas eu não vejo vocês falarem nada do Yo-Yo Ma. Estou acostumado a escutar essas suites com ele, que é mais ligeiro e, na minha opinião, o melhor!
    manuel

  2. O Yo-Yo Ma é ótimo, sem dúvidas. Sua interpretação das suítes está aqui no acervo (uma entre as quase oitenta versões que tenho), mas como já é bastante conhecida e divulgada por seus próprios méritos, preferirei postar antes outras versões. Tenho outras coisas dele, entretanto, que surgirão por aqui em breve.

  3. Vassily
    Tu manda muito bem nas suas escolhas pra séries, esse CD me surpreendeu.
    Pra ser sincero achava que desse mato não sairia grande coelho. Me enganei redondamente.
    Sabe, achei que o cara demonstrou ter uma dinâmica afiadissíma pra um instrumento tão grandalhão, chega a ser gracioso. Tive a impressão de que o elefante visitou a loja de cristais sem causar o mais leve prejuízo.

    1. Ótimo, né? Incrível a delicadeza com que ele toca as notas lááááá no registro agudo, chamando o baixo profundo só quando o efeito é requerido. É uma das minhas gravações favoritas das Suítes em quaisquer instrumentos, especialmente a no. 2.

Deixe uma resposta