Ludwig van Beethoven (1770-1827) – Piano Sonatas – Vol. 1, 2 e 3 de 10 – Vladimir Ashkenazy

41zpyGh-RIL._SS500Reconheço que nunca fui fã de Vladimir Ashkenazy, o prefiro em um repertório mais russo, digamos assim. Suas gravações de Rachmaninov são espetaculares, entre as melhores já realizadas. Mas quando se trata de Beethoven, aí dou-me ao direito de não gostar. Prefiro outros intérpretes.
Mas como assim, FDPBach? Não gostas do cara e estás postando a integral das sonatas de Beethoven com ele? Logo as que dizes não admirar? Pois é, a vida tem destas coisas. Estou sendo democrático e deixando ao cargo dos senhores de analisar a dita cuja. Tem momentos muito interessantes, por isso, fiquem a vontade para me criticar depois, dizendo que esta é melhor integral que já ouviram. Em minha defesa poderia dizer que estas gravações me foram apresentadas em momento desfavorável, eu diria, em um momento delicado e confuso de minha vida, e ela acabou por se tornar a trilha sonora daquele momento. Creio que no disco tinha a Sonata ao Luar, e talvez a Patética, mas não tenho certeza. Como disse, foi um momento de transição, e aquela abordagem não me apeteceu.

Mas vamos ao que viemos.

CD 1

01 – Piano Sonata No.1 in F minor, Op.2, No.1 (1795)_ I. Allegro
02 – II. Adagio
03 – III. Menuetto & Trio_ Allegretto
04 – IV. Prestissimo
05 – Piano Sonata No.2 in A major, Op.2, No.2 (1795)_ I. Allegro vivace
06 – II. Largo appassionato
07 – III. Scherzo & Trio_ Allegretto
08 – IV. Rondo. Grazioso
09 – Piano Sonata No.3 in C major, Op.2, No.3 (1795)_ I. Allegro con brio
10 – II. Adagio
11 – III. Scherzo & Trio_ Allegro
12 – IV. Allegro assai

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 2

01 -Piano Sonata No.4 in E-flat major, Op.7 (1797)_ I. Allegro molto e con brio
02 – II. Largo, con gran espressione
03 – III. Allegro
04 – IV. Rondo_ Poco allegretto e grazioso
05 – Piano Sonata No.5 in C minor, Op.10, No.1 (1798)_ I. Molto allegro e con brio
06 – II. Adagio molto
07 – III. Finale_ Prestissimo
08 – Piano Sonata No.6 in F major, Op.10, No.2 (1798)_ I. Allegro
09 – II. Allegretto
10 – III. Presto

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 3

01 – Piano Sonata No.7 in D major, Op.10, No.3 (1798)_ I. Presto
02 – II. Largo e mesto
03 – III. Menuetto
04 – IV. Rondo_ Allegro
05 – Piano Sonata No.8 in C minor, Op.13 ‘Pathetique’ (1798)_ I. Grave – Allegro di molto e con brio
06 – II. Adagio cantabile
07 – III. Rondo_ Allegro
08 – Piano Sonata No.9 in E major, Op.14, No.1 (1799)_ I. Allegro
09 – II. Allegretto
10 – III. Rondo_ Allegro commodo
11 – Piano Sonata No.10 in G major, Op.14, No.2 (1799)_ I. Allegro
12 – II. Andante
13 – III. Scherzo_ Allegro assai

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Vladimir Ashkenazy – Piano

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Robert Schumann (1810-1856): Cello & Piano Concertos

41Pa8UDAylLEsta gravação que ora vos trago é uma delícia. Três especialistas em interpretações de época, se utilizando de instrumentos de época, acompanhados por uma orquestra que também é especialista neste tipo de interpretação. Staier usa um pianoforte fabricado de acordo com um modelo de 1850, ou seja, contemporâneo de Robert, mas não consegui maiores informações sobre o instrumento que Coin utiliza. Eis o release que encontramos no site da Harmonia Mundi sobre este CD:

“Intimate Concertos
This two concertos by Schumann constitute the true quintessence of German Romanticism: this is music charaterised from start to finish by a sense going beyond formal limits and by a spirit of fantasy, with the solo instrumental both the partner and the confidant of the orchestra. With the cumplicity of two exceptional soloists, Christopher Coin and Andreas Staier, Phillipe Herreweghe here give us the oportunity to rediscover two masterpieces played on period instruments.
Andreas Staier plays a piano by J.B. Streicher, 1850”

Para quem estava acostumado com as gravações tradicionais (postei pelo menos umas duas versões de cada um destes concertos aqui no PQP) é muito interessante ouvir as diferentes sonoridades do piano de Staier frente a um Stenway, e do próprio violoncelo de Coin, a própria forma de tocar dos solistas e da postura da própria orquestra. Uma experiência fascinante, sem dúvida. Espero que apreciem.

Texto de FDP Bach em 2010.

Robert Schumann (1810-1856): Cello & Piano Concertos

Concerto pour violoncelle et orchestre, Op. 129 en la mineur:
1 I. Allegro. Nicht zu schnell 12:08
2 II. Adagio. Langsam 4:59
3 III. Finale. Vivace. Sehr lebhaft 8:17

Christophe Coin
Orchestre des Champs-Elysées and
Philippe Herreweghe

Concerto pour piano et orchestre, Op. 54 en la mineur:
4 I. Allegro affetuoso 15:02
5 II. Intermezzo 4:36
6 III. Finale. Allegro Vivace 11:16

Andreas Staier
Orchestre des Champs-Elysées
Philippe Herreweghe

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE

Herreweghe e Coin: péra aí que eu vou te mostrar. Não, eu te mostro.

Herreweghe e Coin: péra aí que eu vou te mostrar. Não, eu te mostro.

FDP Bach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Frederic Chopin – Ballades, Berceuse, Mazurkas – Yundi Li

51YrmfyYbWL._SS500Ah, as Baladas de Chopin …!!! São minhas obras favoritas do polonês, principalmente a de nº 1. Já suspirei muito ouvindo ela. A conheço desde meus 10 anos de idade, e já ouvi algumas dezenas de intérpretes. Dentre os antigos, minha preferência sempre será Arthur Rubinstein. Entre os atuais, o jovem pianista chinês Yundi dá um show. Esta obra chopiniana expõe a alma do compositor e o pianista tem que estar apaixonado para encará-la. É um estado de espírito, eu diria, e não permite apenas uma execução mecânica, sem emoção, sem alma e sem personalidade.

01 – Four Ballades – No. 1 in G minor, op.23 – Largo – Moderato – Presto con fuoco
02 – Four Ballades – No. 2 in F major, op.38 – Andantino – Presto con fuoco
03 – Four Ballades – No. 3 in A flat major, op.47 – Allegretto
04 – Four Ballades – No. 4 in F minor, op.52 – Andante con moto
05 – Berceuse in D flat major, op.57 – Andante
06 – Four Mazurkas – No. 1 in B flat major, op.17 – Vivo risoluto
07 – Four Mazurkas – No. 2 in E minor, op.17 – Lento ma non troppo
08 – Four Mazurkas – No. 3 in A flat major, op.17 – Legato assai
09 – Four Mazurkas – No. 4 in A minor, op.17 – Lento ma non troppo

Yundi Li – Piano

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Antonio Vivaldi – Lucie Horsch – Vivaldi –

FrontPor um descuido, ou até mesmo esquecimento, este CD de puro deleite artístico, ainda não foi postado. E lembro de que quando o consegui pensei comigo mesmo, isso aqui deve ser facilmente classificável como IM-PER-Dí-VEL !!! pelos conselheiros pequepianos.

E é um absurdo o que essa jovem holandesa Lucie Horsch toca (a mocinha tem dezessete anos). Poucos cds me comoveram tanto quanto este nos últimos tempos. É um Vivaldi sem vícios, eu diria, a juventude e a pureza do som da flauta da jovem Lucie comove, lembra minha infância, quando me colocaram para aprender a tocar esta mesma flauta doce com uma freira em uma escola de freiras em que estudei. Aprendi o beabá, tipo como respirar, assoprar (tu-tu-tu-tu-tu), e os primórdios da leitura de uma partitura. Mas é difícil para uma criança de dez anos de idade se interessar por algo assim, principalmente ter disciplina para aprender um instrumento. E essa mocinha começou a tocar com cinco anos de idade, e aos nove já comovia seu país e tocava com algumas das principais orquestras holandesas. É o que podemos chamar de talento precoce.
Mas chega de falar. Vão ouvir a Lucie tocando Vivaldi como gente grande, que ela já é, pelo menos artisticamente falando.

Antonio Vivaldi – Lucie Horsch – Vivaldi –

01-Flautino Concerto In C, RV 443 – Arr. in G Major for Recorder_ 1. Allegro
02-Flautino Concerto In C, RV 443 – Arr. in G Major for Recorder_ 2. Largo
03-Flautino Concerto in C Major, RV 443 – Arr. in G Major for Recorder_ 3. Allegro molto
04-Concerto in C Minor for Recorder & Strings, RV 441_ 1. Allegro non molto
05-Concerto in C Minor for Recorder & Strings, RV 441_ 2. Largo
06-Concerto in C Minor for Recorder & Strings, RV 441_ 3. Allegro
07-Nisi Dominus (Psalm 126), RV 608 – Arr. Recorder & Strings_ _Cum dederit_
08-Concerto for Flute and Strings in G minor, Op.10, No.2, RV 439  _ La notte_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 1. Largo
09-Concerto for Flute and Strings in G minor, Op.10, No.2, RV 439  _ La notte_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 2. Fantasmi_ Presto – Largo – Presto
10-Concerto for Flute and Strings in G minor, Op.10, No.2, RV 439  _ La notte_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 3. Largo – Il sonno
11-Concerto for Flute and Strings in G minor, Op.10, No.2, RV 439  _ La notte_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 4. Allegro
12-Concerto for 2 Mandolins, Strings and Continuo in G, RV 532 – Arr. for Recorder & Cello_ 2. Andante
13-Concerto for Flute and Strings in F, Op.10, No.1, RV 433  _La tempesta di mare_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 1. Allegro
14-Concerto for Flute and Strings in F, Op.10, No.1, RV 433  _La tempesta di mare_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 2. Largo
15-Concerto for Flute and Strings in F, Op.10, No.1, RV 433  _La tempesta di mare_ – Arr. for Recorder, Strings and Continuo_ 3. Presto
16-Il Giustino, RV 717 – Arr. for Recorder – Act 2_ _Vedro con mio diletto_
17-Concerto For Violin And Strings In E, Op.8, No.1, RV 269 _La Primavera_ – Arr. for Recorder_ 1. Allegro

Lucie Hosrch – Recorder
Amsterdam Vivaldi Players

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Lucie-Horsch

Lucie Horsch – Juventude e talento precoce em uma das melhores flautistas doces da atualidade.

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

.: interlúdio :. Ella Fitzgerald & Louis Armstrong – The Complete Ella Fitzgerald & Louis Armstrong [3CD Set]

FOLDERSei que estou em débito com os senhores devido a minha baixa contribuição ao blog. Vamos tentar compensar um pouco com este CD triplo, que com certeza vai receber o selo de qualidade de IM-PER-DÍ-VEL !!!. E não creio que precise explicar as razões. Basta ouvir e se deliciar . São três cds, que prometem trazer todas as colaborações entre estes dois gigantes da música do século XX, Louis Armstrong e Ella Fitzgerald. Um show de competência, virtuosismo, sensibilidade, e sei lá mais o quê …
os dois primeiros cds trazem um timaço de músicos acompanhantes, que incluem:

Oscar Peterson – Piano
Herb Ellis – Guitar
Ray Brown – Bass
Buddy Rich – Drums

Do terceiro CD, tenho apenas a informação de se trata da Orquestra de Russel Garcia.

CD 1

01  Can’t We Be Friends
02  Isn’t This a Lovely Day
03  Moonlight in Vermont
04  They Can’t Take that Away from Me
05  Under a Blanket of Blue
06  Tenderly
07  A Foggy Day
08  Stars Fell on Alabama
09  Cheek to Cheek
10  The Nearness of You
11  April in Paris
12  Don’t Be that Way
13  Makin’ Whoopee
14  They All Laughed
15  Comes Love
16  Autumn in New York

BAIXAR AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 2

01 Let’s Do It
02 Stompin’ at the Savoy
03 I Won’t Dance
04 Gee, Baby, Ain’t I Good to You
05 Let’s Call the Whole Thing Off
06 These Foolish Things
07 I’ve Got My Love to Keep Me Warm
08 Willow Weep for Me
09 I’m Puttin’ All My Eggs in One Basket
10 A Fine Romance
11 Ill Wind (You’re Blowin’ Me No Good)
12 Love Is Here to Stay
13 I Get a Kick Out of You
14 Learnin’ The Blues
15 You Won’t Be Satisfied (Until You Break My Heart)
16 Undecided

BAIXAR AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 3

01 Overture
02 Summertime
03 I Wants to Stay Here
04 My Man’s Gone Now
05 I Got Plenty O’ Nuttin
06 The Buzzard Song
07 Bess, You Is My Woman Now
08 It Ain’t Necessarily So
09 What You Want Wid Bess
10 A Woman Is a Sometime Thing
11 Oh, Doctor Jesus
12 Medley – Here Come De Honey Man – Crab Man – Oh, Dey’s So Fresh and Fine
13 There’s a Boat Dat’s Leavin’ Soon for New York
14 Oh, Bess, Oh Where’s My Bess
15 Oh, Lawd, I’m on My Way

BAIXAR AQUI – DOWNLOAD HERE

ella louis

Ella Fitzgerald & Louis Armstrong – Dupla do Barulho

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

.:interlúdio:. Like Minds – Pat Metheny, Gary Burton, Chick Corea, Dave Holland, Roy Haynes

cover

LINK RESTAURADO !!!

Sou fascinado por este CD, desde quando o adquiri, ainda lá pelo início dos anos 2000. Os tempos eram outros, era complicado conseguir material em mp3, afinal ainda não tínhamos internet rápida em casa, apenas alguns conhecidos, estagiários na Universidade, ficavam madrugadas adentro fazendo downloads de música e de filmes dentro da própria Universidade, aproveitando a estrutura de rede altamente profissional que tinha sido montada.

Era o tempo do Napster, e-mule, e mais alguns sistemas de troca de arquivos. E um gravador de cd também era algo com preço quase proibitivo, então organizávamos sessões de gravação para a troca de material. E quando comprei este primor de CD que ora posto, devem ter sido feitas umas vinte cópias logo nos primeiros dias.

Este cd traz um quinteto de ouro do jazz, e também coloca lado a lado novamente Chick Corea e Gary Burton, dupla que gravou discos antológicos nos idos dos anos 70. E para completar, ainda tem Pat Metheny, Dave Holland e Roy Haynes… e muito talento reunido em um só CD.

Claro que é IM-PER-DÍ-VEL !!! E deve ser ouvido e admirado de preferência acompanhado por um bom vinho …

P.S. Por algum motivo inexplicável, faltou a nona faixa do CD, intitulada ‘For a Thousand Years’. O link da faixa está disponível abaixo do link normal do CD. 

01 – Question And Answer
02 – Elucidation
03 – Windows
04 – Futures
05 – Like Minds
06 – Country Roads
07 – Tears Of Rain
08 – Soon
09 – For A Thousand Years

Gary Burton – Vibraphone
Chick Corea – Piano
Pat Metheny – Guitar
Dave Holland – Bass
Roy Haynes – Drums

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE
FAIXA 9 – ‘FOR A THOUSAND YEARS” – BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gary Burton Pat Metheny

Gary Burton & Pat Metheny – Encontro de Gigantes do Jazz

FDPBach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Samuel Osborne Barber II (1910-1981) – Violin Concerto / Erich Wolfgang Korngold (1897) – Violin Concerto, Much Ado About Nothing – Shaham, Previn, LSO

coverA dupla Shaham / Previn se reúne novamente neste CD, desta vez para um repertório mais ‘caseiro’, digamos assim.

O belíssimo concerto de Samuel Barber está impecável, mostrando um Shaham mais emotivo e sensível, enquanto Previn e a fantástica Sinfônica de Londres o acompanham também com muita delicadeza. Ouçam o segundo movimento e vocês irão entender do que estou falando.

A peça de Korngold, que, apesar de austríaco naturalizou-se norte americano, é baseada peça homônima de Shakespeare. Desconheço maiores detalhes a respeito da peça. O compositor ficou famoso pelas trilhas sonoras de filmes holywoodianos, e foi em Hollywood que veio a falecer, em 1957.

Samuel Osborne Barber II (1910-1981) – Violin Concerto / Erich Wolfgang Korngold (1897) – Violin Concerto, Much Ado About Nothing – Shaham, Previn, LSO

1 – Concerto for Violin & Orchestra, Op.14 I. Allegro
2 – Concerto for Violin & Orchestra, Op.14 II. Andante
3 – Concerto for Violin & Orchestra, Op.14 III. Presto in moto perpetuo

4 – Violin Concerto in D major, op. 35 I. Moderato nobile
5 – Violin Concerto in D major, op. 35 II. Romance Andante
6 – Violin Concerto in D major, op. 35 III. Finale Allegro assai vivace

7 – Much Ado about Nothing, op. 11 II. The Maiden in the Bridal Chamber Lento – Molto moderato, with charm and grace
8 – Much Ado about Nothing, op. 11 III. Dogbery and Verges. March of the Watch In the tempo of a grotesque funeral march
9 – Much Ado about Nothing, op. 11 IV. Scene in the Garden Molto espressivo (broad, but not too slow)
10 – Much Ado about Nothing, op. 11 V. Masquerade Hornpipe Animato

Gil Shaham – Violin
London Symphony Orchestra
Andre Previn – Conductor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

FDP

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Sergey Prokofiev – Violin Concertos, Sonata for Violin Solo

coverSim, eu sei que postei estes mesmos concertos há pouco tempo. Mas quem se importa? Tudo bem, não se discute que a melhor de todas as gravações já realizadas destes concertos é do maior de todos violinistas do século XX, David Oistrakh. Mas também não podemos negar a qualidade de diversas outras gravações existentes no mercado, como a de Vicktoria Mullova e a de Itzhak Perlman, e que já foram postadas aqui.

Hoje porém, vou dar mais uma opção, desta vez com o norte-americano Gil Shaham, que nasceu em uma pequena cidade no interior dos Estados Unidos, Urbana. Desde cedo se destacou com o instrumento, e com dez anos de idade já se apresentava como solista.
A Sinfonica de Londres aqui está dirigida por Andre Previn, outro consagrado pianista e condutor norte americano. Creio que os senhores estarão em muito boas mãos.

Sergey Prokofiev – Violin Concertos, Sonata for Violin Solo

1 – Concerto for Violin no. 1, op. 19 I. Andantino
2 – Concerto for Violin no. 1, op. 19 II. Scherzo Vivacissimo
3 – Concerto for Violin no. 1, op. 19 III. Moderato

4 – Concerto for Violin no. 2, op. 63 I. Allegro moderato
5 – Concerto for Violin no. 2, op. 63 II. Andante assai
6 – Concerto for Violin no. 2, op. 63 III. Allegro, ben marcato

7 – Sonata for Solo Violin, op. 115 I. Moderato
8 – Sonata for Solo Violin, op. 115 II. Andante dolce
9 – Sonata for Solo Violin, op. 115 III. Con brio

Gil Shaham – VIolin
London Simphony Orchestra
Andre Previn – Conductor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Frederic Chopin – Piano Concertos – Blechacz, RCO, Jerzy Semkow

coverSem mais a dizer, Discaço, IM-PER-DÍ-VEL !!! Chopin por um de seus melhores intérpretes da atualidade, Rafal Blechacz. Ando muito emotivo ultimamente, principalmente depois de uma viagem que fiz neste final de semana em que reencontrei velhos amigos. Acho que este discaço resume meu estado de espírito atual.

Boa Audição !!!

1 – Piano Concerto No. 1 in E minor, Op. 11 – 1. Allegro maestoso
2 – Piano Concerto No. 1 in E minor, Op. 11 – 2. Romance. Larghetto
3 – Piano Concerto No. 1 in E minor, Op. 11 – 3. Rondo (Vivace)
4 – Piano Concerto No. 2 in F minor, Op. 21 – 1. Maestoso
5 – Piano Concerto No. 2 in F minor, Op. 21 – 2. Larghetto
6 – Piano Concerto No. 2 in F minor, Op. 21 – 3. Allegro vivace

Rafal Blechacz
Royal Concertgebow Orchestra
Jerzy Semkow

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Antonin Dvorák – Violin Concerto In A Minor, Op.53, Max Bruch: Violin Concerto No.1 In G Minor, Op.26, Alexander Konstantinovich Glazunov (1835-1936) – Violin Concerto In A Minor, Op.82 – Martzy, Morini, RIAS Symphony Orchestra Berlin

coverFerenc Fricsay viveu pouco mas intensamente. Tinha o toque de Midas, tudo o que gravou é valioso demais, é ouro puro. E este CD que ora vos trago não poderia deixar de ser uma gema, devidamente lapidada pelo talento e virtuosismo não apenas do maestro, mas também de suas duas incríveis solistas, Johanna Martzy e Erika Morini. Da primeira eu já ouvira falar, algumas citações e alguns cds na internet. Erika Morini me era uma perfeita desconhecida até então.
Começando por Johanna Martzy, o que ela faz com o Concerto de Dvorák é algo de outro mundo. Mesmo tendo sido gravada em Mono, esta foi a melhor versão que ouvi nos últimos tempos. Era húngara, nascida em 1924, mas morreu jovem, meros 54 anos de idade,  (o que diabos tem na água que se toma na Hungria para terem tantos talentos por lá?). A paixão com que ela toca este concerto é de arrepiar.
Erica Morini era austríaca, nascida em 1904, filha de músico, e cedo se revelou uma grande musicista. O velho caso de talento precoce.
Mas vamos ao que viemos. Um CDzaço, daqueles que merecem ter um lugar de destaque na prateleira.

01 – Violin Concerto in A minor, op. 53- 1. Allegro ma non troppo – Quasi moderato
02 – Violin Concerto in A minor, op. 53- 2. Adagio, ma non troppo
03 – Violin Concerto in A minor, op. 53- 3. Finale (Allegro giocoso, ma non troppo)

Johanna Martzy – Violin
RIAS Symphony Orchestra Berlin
Ferenc Fricsay – Conductor

04 – Violin Concerto no. 1 in G minor, op. 26- 1. Vorspiel (Allegro moderato)
05 – Violin Concerto no. 1 in G minor, op. 26- 2. Adagio
06 – Violin Concerto no. 1 in G minor, op. 26- 3. Finale (Allegro energico)
07 – Violin Concerto in A minor, op. 82- 1. Moderato
08 – Violin Concerto in A minor, op. 82- 2. Andante sostenuto
09 – Violin Concerto in A minor, op. 82- Tempo I
10 – Violin Concerto in A minor, op. 82- Cadenza
11 – Violin Concerto in A minor, op. 82- 3. Allegro

Erika Morini – Violin
Radio-Symphonie-Orchester Berlin
Ferenc Fricsay – Conductor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Johann Sebastian Bach (1685-1750) – Complete Partitas – Richard Egarr

FrontEste cd duplo foi recém lançado pela Harmonia Mundi, ainda agora em março. Richard Egarr é um dos principais intérpretes de Bach da atualidade e suas gravações sempre são impecáveis, com um respeito profundo pela obra do genial alemão. Alguns ouvidos mais apurados podem achar que Egarr está um pouco lento demais, mas isso não tira a qualidade da interpretação. Na verdade, creio que faz algum tempo que não trazemos as partitas tocadas no cravo, então, nestes tempos de Angela Hewitt no topo das paradas bachianas com seu piano, nada como retornarmos ao bom e velho instrumento.

01 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; I. Praeludium
02 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; II. Allemande
03 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; III. Corrente
04 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; IV. Sarabande
05 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; V. Menuets I & II
06 – Partita No. 1 in B-Flat Major, BWV 825; VI. Gigue
07 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; I. Sinfonia
08 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; II. Allemande
09 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; III. Courante
10 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; IV. Sarabande
11 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; V. Rondeaux
12 – Partita No. 2 in C Minor, BWV 826; VI. Capriccio
13 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; I. Ouverture
14 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; II. Allemande
15 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; III. Courante
16 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; IV. Aria
17 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; V. Sarabande
18 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; VI. Menuet
19 – Partita No. 4 in D Major, BWV 828; VII. Gigue

CD 2

01 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; I. Fantasia
02 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; II. Allemande
03 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; III. Corrente
04 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; IV. Sarabande
05 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; V. Burlesca
06 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; VI. Scherzo
07 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; VII. Gigue
08 – Partita No. 3 in A Minor, BWV 827; VIII. Gigue (alternative version)
09 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; I. Praeambulum
10 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; II. Allemande
11 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; III. Corrente
12 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; IV. Sarabande
13 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; V. Tempo di Minuetta
14 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; VI. Passepied
15 – Partita No. 5 in G Major, BWV 829; VII. Gigue
16 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830 I. Toccata
17 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; II. Allemande
18 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; III. Corrente
19 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; IV. Air
20 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; V. Sarabande
21 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; VI. Tempo di Gavotta
22 – Partita No. 6 in E Minor, BWV 830; VII. Gigue

Richard Egarr – Harpsichord

CD 1 – DOWNLOAD HERE
CD 2 – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) – The Symphonies – Cds 3 e 4 de 11 – Levine, Wiener Philharmoniker

51TXyNdecfLFeliz com a recepção desta série, resolvi traze-la na íntegra. Serão onze cds ao todo. Mas peço paciência, pois a velocidade de upload de minha internet é ridícula, e demoro em média de 40 minutos a uma hora para subir cada cd.

Então mais dois cds, o terceiro e o quarto. É delicioso ouvir o Mozart da infância e da adolescência. Por vezes a obra soa por demais ingênua, mas de repente, o gênio se manifesta e nos apresenta alguma passagem absolutamente fantástica. Vale cada minuto de audição.

CD 3

01 – Mozart – Symphony No.10 In G, K.74 – 1. (Allegro)
02 – Mozart – Symphony No.10 In G, K.74 – 2. (Andante)
03 – Mozart – Symphony No.10 In G, K.74 – 3. (Allegro)
04 – Mozart – Symphony No.11 In D, K.84 – 1. Allegro
05 – Mozart – Symphony No.11 In D, K.84 – 2. Andante
06 – Mozart – Symphony No.11 In D, K.84 – 3. Allegro
07 – Mozart – Symphony No.12 In G, K.110 – 1. Allegro
08 – Mozart – Symphony No.12 In G, K.110 – 2. Andante
09 – Mozart – Symphony No.12 In G, K.110 – 3. Menuetto
10 – Mozart – Symphony No.12 In G, K.110 – 4. Allegro
11 – Mozart – Symphony No.13 In F, K.112 – 1. Allegro
12 – Mozart – Symphony No.13 In F, K.112 – 2. Andante
13 – Mozart – Symphony No.13 In F, K.112 – 3. Menuetto
14 – Mozart – Symphony No.13 In F, K.112 – 4. Molto Allegro

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 4

01 – Mozart – Symphony No.14 In A, K.114 – 1. Allegro Moderato
02 – Mozart – Symphony No.14 In A, K.114 – 2. Andante
03 – Mozart – Symphony No.14 In A, K.114 – 3. Menuetto
04 – Mozart – Symphony No.14 In A, K.114 – 4. Allegro Molto
05 – Mozart – Symphony No.15 In G, K.124 – 1. Allegro
06 – Mozart – Symphony No.15 In G, K.124 – 2. Andante
07 – Mozart – Symphony No.15 In G, K.124 – 3. Menuetto
08 – Mozart – Symphony No.15 In G, K.124 – 4. Presto
09 – Mozart – Symphony No.16 In C, K.128 – 1. Allegro Maestoso
10 – Mozart – Symphony No.16 In C, K.128 – 2. Andante Grazioso
11 – Mozart – Symphony No.16 In C, K.128 – 3. Allegro
12 – Mozart – Symphony No.17 In G, K.129 – 1. Allegro
13 – Mozart – Symphony No.17 In G, K.129 – 2. Andante
14 – Mozart – Symphony No.17 In G, K.129 – 3. Allegro

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Wiener Philharmoniker
James Levine – Conductor

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) – Symphonies – Wiener Philharmoniker, James Levine

51TXyNdecfLNão lembro de termos feito alguma homenagem aos 260 anos de nascimento de Mozart ano passado. Enfim, como ele está sempre presente por aqui, então não vejo maiores problemas em prestar-lhe uma singela homenagem, mesmo pouco mais de um ano depois.
A imensa discografia do maestro norte americano James Levine traz alguns tesouros, entre eles esta integral das sinfonias de Mozart, gravadas com a mítica Filarmônica de Viena. Vou trazer alguns volumes para os senhores poderem apreciar o talento deste maestro, que curiosamente apareceu muito pouco aqui no PQPBach, mas sempre lembrando que o foco sempre será Mozart.
Gosto de ouvir estas sinfonias na sequência, para entender e identificar a evolução de Mozart enquanto compositor. Nesta primeira postagem vou então trazer então os dois primeiros cds da coleção.
Espero que apreciem.

CD 1

001 – Mozart – Symphony No.1 In E Flat, K.16 – 1. Molto Allegro
002 – Mozart – Symphony No.1 In E Flat, K.16 – 2. Andante
003 – Mozart – Symphony No.1 In E Flat, K.16 – 3. Presto
004 – Mozart – Symphony No.4 In D, K.19 – 1. Allegro
005 – Mozart – Symphony No.4 In D, K.19 – 2. Andante
006 – Mozart – Symphony No.4 In D, K.19 – 3. Presto
007 – Mozart – Symphony In F, K.App.223 – 1. Allegro Assai
008 – Mozart – Symphony In F, K.App.223 – 2. Andante
009 – Mozart – Symphony In F, K.App.223 – 3. Presto
010 – Mozart – Symphony No.5 In B Flat, K.22 – 1. Allegro
011 – Mozart – Symphony No.5 In B Flat, K.22 – 2. Andante
012 – Mozart – Symphony No.5 In B Flat, K.22 – 3. Molto Allegro
013 – Mozart – Symphony No.7a In G, K.App. 221, Alte Lambacher – 1. Allegro Maestoso
014 – Mozart – Symphony No.7a In G, K.App. 221, Alte Lambacher – 2. Andante
015 – Mozart – Symphony No.7a In G, K.App. 221, Alte Lambacher – 3. Presto

CD 1 – BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

CD 2
016 – Mozart – Symphony No.6 In F, K.43 – 1. Allegro
017 – Mozart – Symphony No.6 In F, K.43 – 2. Andante
018 – Mozart – Symphony No.6 In F, K.43 – 3. Menuetto
019 – Mozart – Symphony No.6 In F, K.43 – 4. Allegro
020 – Mozart – Symphony No.7 In D, K.45 – 1. Overture
021 – Mozart – Symphony No.7 In D, K.45 – 2. Andante
022 – Mozart – Symphony No.7 In D, K.45 – 3. Menuetto
023 – Mozart – Symphony No.7 In D, K.45 – 4. Molto Allegro
024 – Mozart – Symphony No.8 In D, K.48 – 1. (Allegro)
025 – Mozart – Symphony No.8 In D, K.48 – 2. Andante
026 – Mozart – Symphony No.8 In D, K.48 – 3. Menuetto
027 – Mozart – Symphony No.8 In D, K.48 – 4. Molto Allegro
028 – Mozart – Symphony No.9 In C, K.73 – 1. Allegro
029 – Mozart – Symphony No.9 In C, K.73 – 2. Andante
030 – Mozart – Symphony No.9 In C, K.73 – 3. Menuetto
031 – Mozart – Symphony No.9 In C, K.73 – 4. Molto Allegro

CD 2 – BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Wiener Philharmoniker
James Levine – Conductor

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) – Sinfonia Concertante K. 364, Concertone K. 190 – Smithsonian Chamber Orchestra, Jaap Schröeder

coverEsta com certeza é uma das melhores gravações que já ouvi da Sinfonia Concertante. Jaap Schröeder é bem conhecido daqui do PQPBach, com sua contribuição com a Academy of Ancient Music, nos tempos em que era dirigida por Christopher Hogwood, e com quem realizou gravações históricas.
Aqui neste CD ele se junta a Orquestra do Instituto Smithsonian, e dá um show de competência e eficiência, principalmente na Sinfonia Concertante. Uma belezura, com certeza. Bela música, tocada por quem conhece bem o assunto.

1 Sinfonia concertante KV 364 Es-Dur I. Allegro maestoso
2 II. Andante
3 III. Presto
4 Concertone KV 190 C-Dur I. Allegro spiritoso
5 II. Andante grazioso
6 III. Vivace

Jaap Schroeder – Violin
Marilyn McDonald – Violin
Stephen Hammer – Oboe
Kenneth Slowik – Cello

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Serguey Prokofiev – Violin Concertos – Ithzak Perlman, BBC Symphony Orchestra Gennady Rozhdestvensky

51UEm5a2ofLEis um CD que por algum motivo que ninguém pode explicar nunca apareceu por aqui, pelo menos eu procurei e não achei. Mas de qualquer forma, ei-lo aqui.

Perlman como sempre, é até redundante falar isso, mas enfim, ele dá um show. E muito mais não preciso falar. Os senhores façam o favor de ouvi-lo e tirem suas opiniões. O lendário maestro Gennady Rozhdestvensky é um espetáculo a parte ao conduzir a Sinfônica da BBC, mostrando o porque até hoje é considerado um dos maiores maestros da segunda metade do século XX.

01. Prokofiev – Violin Concerto No. 1 in D Major, Op. 19 I. Andantino
02. Prokofiev – Violin Concerto No. 1 in D Major, Op. 19 II. Scherzo
03. Prokofiev – Violin Concerto No. 1 in D Major, Op. 19 III. Moderato
04. Prokofiev – Violin Concerto No. 2 in G Minor, Op. 63 I. Allegro moderato
05. Prokofiev – Violin Concerto No. 2 in G Minor, Op. 63 II. Andante assai – Al
06. Prokofiev – Violin Concerto No. 2 in G Minor, Op. 63 III. Allegro ben marca

Itzhak Perlman – Violin
BBC Symphony Orchestra
Gennady Rozhdestvensky – Conductor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Alberto Ginastera (1916-1983) – Complete Music for Cello & Piano – Kosower, Oh

51oUOzvQogL._SX425_ (1)Vou trazer algo diferente hoje, um compositor argentino que já apareceu várias vezes por aqui, Alberto Ginastera, talvez o maior dos compositores argentino. Sua música incorpora diversos elementos da música folclórica argentina e contemporânea, com as devidas influências dos mais importantes compositores do século XX, vide Stravinsky, Bártok, Prokofiev, entre outros. O texto abaixo foi tirado do booklet do cd:

One of the most important South American composers of the 20th Century, Alberto Ginastera embraced both old and new in the creation of an original style rooted in Argentine folk and popular music while incorporanting increasingly modernist techniques. The works on this recording span Ginastera´s entire compositional output. The ‘Cinco canciones populares argentinas’ are derived directly from folk music but in ‘Pampeana nº2 ‘ the use of folk music is more symbolic. ‘Puneña nº2’ is a tour de force for cello that explores all registers of the instrument as well as a wide range of extended techniques. Ginastera himself wrote of the ‘Sonata, op. 49’, one of his last works from his Neo-Expressionist period: ‘strong rhytms, lyrical singing, and a misterious atmosphere are, I think, the characteristics of this work consisting  of four moviments’. 

Para quem não conhece a obra do argentino, creio que este CD seja uma bela introdução.

01. Pampeana No. 2, Op. 21
02. 5 canciones populares argentinas, Op. 10 (arr. for cello and piano) – No. 4
03. No. 1. Triste
04. No. 3. Zamba
05. No. 2. Arrorro
06. No. 5. Gato
07. Punena No. 2, Op. 45, ‘Hommage a Paul Sacher’ – I. Harawi
08. II. Wayno karnavalito
09. Cello Sonata, Op. 49 – I. Allegro deciso
10. II. Adagio passionato
11. III. Presto mormoroso
12. IV. Allegro con fuoco

Mark Kosower – Cello
Jee-Won Oh – Piano

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Johann Sebastian Bach (1685-1750): Brandenburg Concertos – Café Zimmermann

61N6bLDTB9L._SS500Como disse PQPBach dia destes em uma postagem sua, o último que baixar esta gravação é mulher do padre. Sim senhores, finalmente o Café Zimmermann gravou os Concertos de Brandenburgo, e o resultado não podia ser diferente: com certeza ele leva o selo de qualidade de IM-PER-DÍ-VEL !!! do PQPBach.

E aqueles que forem ouvir este CD um aviso: esqueçam seus paradigmas relacionados à interpretação destas obras. Os músicos do Café Zimmermann subvertem alguns tempos, fazem algumas escolhas radicais com relação ao tempo, enfim, uma delícia.

Espero que apreciem. Ouço este CD há alguns dias, sem parar.

CD 1
1 Brandenburg Concerto No. 1 in F Major, BWV 1046: I. –
2 Brandenburg Concerto No. 1 F Major, BWV 1046: II. Adagio
3 Brandenburg Concerto No. 1 F Major, BWV 1046: III. Allegro
4 Brandenburg Concerto No. 1 F Major, BWV 1046: IV. Menuetto – Trio – Menuetto – Polacca – Menuetto- Trio – Menuetto
5 Brandenburg Concerto No. 2 in F Major, BWV 1047: I. [Allegro]
6 Brandenburg Concerto No. 2 in F Major, BWV 1047: II. Andante
7 Brandenburg Concerto No. 2 in F Major, BWV 1047: III. Allegro assai
8 Brandenburg Concerto No. 3 in G Major, BWV 1048: I. Allegro – II. Adagio
9 Brandenburg Concerto No. 3 in G Major, BWV 1048: III. Allegro

Disc 2
1 Brandenburg Concerto No. 4 in G Major, BWV 1049: I. Allegro
2 Brandenburg Concerto No. 4 in G Major, BWV 1049: II. Andante
3 Brandenburg Concerto No. 4 in G Major, BWV 1049: III. Presto
4 Brandenburg Concerto No. 5 in D Major, BWV 1050: I. Allegro
5 Brandenburg Concerto No. 5 in D Major, BWV 1050: II. Affettuoso
6 Brandenburg Concerto No. 5 in D Major, BWV 1050: III. Allegro
7 Brandenburg Concerto No. 6 in B-Flat Major, BWV 1051: I. –
8 Brandenburg Concerto No. 6 in B-Flat Major, BWV 1051: II. Adagio ma non tanto
9 Brandenburg Concerto No. 6 in B-Flat Major, BWV 1051: III. Allegro

Café Zimmermann

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

FDPBach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) – Piano Concertos K. 413, K. 414 & K. 414 – Kujikens, La Petit Band

51iu6+K1ExL._SS500Este é um belo CD, gravado em família, literalmente falando. As solistas são filhas de Sigiswald Kujiken, o genial violinista belga, musicólogo, maestro, etc., e um dos maiores intérpretes do barroco, líder do “La Petit Band”, conjunto orquestral especializado em gravações com instrumentos de época. Já trouxe outras gravações deles, mas este aqui é recém lançado, recém saído dos fornos.
Encontrei este texto de Sigiswald Kujiken no site da gravadora, onde ele explica suas escolhas nestas gravações:

Sigiswald Kuijken: Mozart conceived the 3 piano-concerti KV 414, 413 and 415 in 1782, one year after he had settled in Vienna as a more or less free-lance musician. From onset, his idea was to get these works (KV 414, 413 and 415) published; he obviously expected a positive response from the public, not only on the financial level but also as a composer and piano virtuoso. In order to enhance the attraction for his publication, he decided to write these concertos in such a way that they could be performed not only with full orchestra (i.e. strings and winds), but also with a reduced accompaniment of only string quartet. Clearly, Mozart did not consider this strategic starting point as an artistic limitation, but rather as a challenge: in fact, already the score without the wind parts should leave nothing to be desired. This resulted in a very careful and beautiful string writing, matching the solo part in the most effective and intimate way. The wind parts were then conceived to accentuate and “colour” certain passages in the accompaniment with even more depth.
Although Mozart in his announcements and the print of these concerti always mentions the “normal” composition of the string quartet (2 violins, viola and violoncello), I took the liberty to replace the violoncello by a double bass in our performances and our recording of these concertos. My reason was purely musical. Looking and listening to these works, we find a clear difference concerning their string-bass writing compared with Mozart’s own quartets for violin, viola, violoncello and piano, or also his trios for violin, violoncello and piano.
In these piano concertos the string bass is only playing the essential bass-line of the whole texture, thus very often doubling in simplified way the soloist’s left hand. Therefore, in fact this so called “violoncello” part shows exactly what the usual “basso” parts show in orchestral works or generally in the more conventional divertimento-style: offering and strengthening the (highly necessary) fundamental bass on which the whole of the construction is resting. So replacing the violoncello by a double bass in this reduced version of these concertos seems to me an obvious choice.

Espero que apreciem.

1. Piano Concerto No. 11 in F Major, K. 413/387a Allegro
2 Piano Concerto No. 11 in F Major, K. 413/387a Larghetto
3 Piano Concerto No. 11 in F Major, K. 413/387a Tempo di Minuetto
4 Piano Concerto No. 13 in C Major, K. 415/387b Allegro
5 Piano Concerto No. 13 in C Major, K. 415/387b Andante
6 Piano Concerto No. 13 in C Major, K. 415/387b Rondeau. Allegro
7 Piano Concerto No. 12 in A Major, K. 414/385p Allegro
8 Piano Concerto No. 12 in A Major, K. 414/385p Andante
9 Piano Concerto No. 12 in A Major, K. 414/385p Rondeau. Allegretto

Marie & Veronica Kujiken – Pianos
La Petit Band
Sigiswald Kujiken – Conductor

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE – FLAC

FDPBach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Ainda mais Cordas: o Violão (Johann Sebastian Bach (1685-1750)): As Seis Suítes para Violoncelo transcritas para o violão

POSTAGEM ORIGINAL DE FDP BACH, REVALIDADA PELO PQP, ESCAFEDIDA NO COLAPSO DO RAPIDSHARE E REVALIDADA POR VASSILY, PERDIDA NO PQPSHARE E RECUPERADA AGORA POR PQP, DENTRO DA SÉRIE SOBRE AS SUÍTES PARA VIOLONCELO DE J. S. BACH

Muito interessante este CD. O violonista alemão Andreas von Wangenheim é um cabra macho: são dele mesmo as transcrições para violão das Suítes para Violoncelo de papai. E o resultado é muito bom. O editorialista da amazon diz o seguinte: Bach’s famous suites for cello solo from a different perspective: in order to emphasize the polyphonic structure of this marvelous music, Andreas von Wangenheim has transcribed them for guitar. The Six Suites for Violoncello Solo put the instrument through its paces in the same way as the Six Sonatas and Partitas for Violin Solo. A closer look at these works reveals a fascinating element of Bach’s compositional art: the polyphony that is concealed in almost all of his solo lines. Andreas von Wangenheim is considered one of the finest guitarists of the younger generation. He won the 1987 Bach Prize at the International Guitar Competition for Students in Europe.

A comparação com Segovia é inevitável, afinal, o mestre espanhol também transcreveu obras de papai para o violão. Mas Wangenheim é ainda jovem, apesar de já ter uma carreira consolidada como solista e professor.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa.

Johann Sebastian Bach – Six Cello Suites (transcribed for Guitar) – Andreas von Wangenheim

Disco 1

1. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Prélude
2. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Allemande
3. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Courante
4. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Sarabande
5. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Bourrée
6. Suite for solo cello No. 3 in C major, BWV 1009: Gigue

7. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Prélude
8. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Allemande
9. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Courante
10. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Sarabande
11. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Menuet 1 & 2
12. Suite for solo cello No. 1 in G major, BWV 1007: Gigue

13. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Prélude
14. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Allemande
15. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Courante
16. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Sarabande
17. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Bourrée 1 & 2
18. Suite for solo cello No. 4 in E flat major, BWV 1010: Gigue

Disco 2

1. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Prélude
2. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Allemande
3. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Courante
4. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Sarabande
5. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Menuet 1 & 2
6. Suite for solo cello No. 2 in D minor, BWV 1008: Gigue

7. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Prélude
8. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Allemande
9. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Courante
10. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Sarabande
11. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Gavotte 1 & 2
12. Suite for solo cello No. 6 in D major, BWV 1012: Gigue

13. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Prélude
14. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Allemande
15. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Courante
16. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Sarabande
17. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Gavotte 1 & 2
18. Suite for solo cello No. 5 in C minor, BWV 1011: Gigue

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Andreas von Wangenheim, violão

Belo trabalho, Andreas!

Belo trabalho, Andreas!

FDP Bach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Johannes Brahms (1833-1897) – Violin Concerto in D major op. 77, Piotr Illich Tchaikovsky (1840-1893) – Violin Concerto in D major op. 35 – David Oistrakh, Franz Konwitschny, Staatskapelle Dresden

folderDuas obras primas do repertório romântico violinístico tocados por um dos maiores violinistas do século XX, David Oistrakh. São duas gravações históricas, realizadas nos anos 50, ainda em Mono, mas que precisam ser conhecidas, para ainda mais admirarmos o gigante do violino que foi Oistrakh. Sou suspeito quando se trata deste músico pois já declarei inúmeras vezes que o considero o maior de todos, mas em feroz disputa com Jascha Heifetz, mas não quero entrar no mérito desta discussão. Gosto é gosto, e não se discute.
Os senhores poderão julgar.

01. Brahms Violin Concerto in D major op. 77 – 1. Allegro non troppo
02. Brahms Violin Concerto in D major op. 77 – 2. Adagio
03. Brahms Violin Concerto in D major op. 77 – 3. Allegro giocoso, ma non troppo…
04. Tchaikovsky Violin Concerto in D major op. 35 – 1. Allegro moderato
05. Tchaikovsky Violin Concerto in D major op. 35 – 2. Canzonetta. Andante
06. Tchaikovsky Violin Concerto in D major op. 35 – 3. Finale. Allegro vivacissimo

David Oistrakh – Violin
Staatskapelle Dresden
Franz Konwitschny – Conductor

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE
FDPBach

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!