Balakarev / Borodin / Cui / Mussorgsky / Rimsky-Korsakov: Música Russa para Piano

A pianista inglesa Margaret Fingerhut apresenta um interessante repertório do Grupo dos Cinco nacionalistas russos. São eles Mily Balakirev, Cesar Cui, Alexander Borodin, Modest Mussorgsky e Nikolai Rimsky-Korsakov. Sua música, tão russa, aqui nos chega com um sotaque perfeitamente britânico. É um bom disco para se conhecer história da música, pois o nacionalismo musical fez muita coisa boa antes e depois da virada do século XIX para o XX. Mas Fingerhut tenta transformar esses russos crassos em algo próximo de Beethoven e aí não funciona tão bem quanto deveria. Mas vale muito a audição. Eu curti.

Balakarev / Borodin / Cui / Mussorgsky / Rimsky-Korsakov: Música Russa para Piano

Balakirev
01 Toccata in C sharp minor
02 In the Garden
03 Polka in F sharp minor
Mussorgsky
04 A Teardrop
05 A Children’s Prank
06 In the Village
07 Nanny and I
08 First Punishment
Cui
09 No 9 in E major
10 No 10 in G sharp minor
11 No 2 in E minor
12 No 8 in C sharp minor
Rimsky-Korsakov
13 Sherzino Op 11 No 3
14 A Little Song
15 Novellette Op 11 No 2
Borodin
16 In the Monastery
17 Scherzo in A flat major
18 Nocturne

Margaret Fingerhut, piano

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE

O Grupo dos Cinco: Milii Balakirev, Cesar Cui, Alexander Borodin, Modest Mussorgsky, Nikolai Rimsky-Korsakov

O Grupo dos Cinco: Milii Balakirev, Cesar Cui, Alexander Borodin, Modest Mussorgsky, Nikolai Rimsky-Korsakov

PQP

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Balakirev: Symphonies 1 & 2; Russia, Tamara, Overture on Three Russian Themes – Svetlanov HYPERION 1992

Balakirev é outro compositor um pouco negligenciado, aparece em alguns programas, mas em geral não goza de muita notoriedade. Bem, compará-lo a Borodin, Korsakov e Mussorgsky não ajuda muito. Mas sua história e influência na música russa são inegáveis e das mais importantes, Ademais, era o único músico profissional do chamado “Grupo dos Cinco”, que incluia também César Cui (oportunamente postarei sobre ele). Balakirev foi um grande entusiasta do nacionalismo russo, apoiou, orientou e incentivou todos os seus colegas para aproximar a música folclórica e tradicional da Rússia dos padrões europeus. Muitas composições célebres de Tchaikovsky (a abertura Romeu e Julieta e a Sinfonia Manfredo, por exemplo), foram direta ou indiretamente influenciadas por suas ideias, incluindo sugestões de tonalidade, forma e orquestração.

Nada mais natural que se perguntar então: mas como é o tal do Balakirev como compositor? No fim das contas é para isso que estamos aqui. Bem, este post é uma das respostas. Suas sinfonias são suas obras mais conhecidas e revelam um compositor da mais alta competência, estética e formal. Falta-lhe, acredito, a inspiração da fluidez melódica que fizeram seus colegas mais famosos. Mas é música do mais alto nível. O disco ainda apresenta 3 poemas sinfônicos, Tamara, considerado sua melhor obra, Russia, e Abertura sobre 3 temas russos. Todas estas obras são exemplos práticos de suas ideias teóricas, unindo a música folclórica russa com formas da chamada música clássica européia. Especialmente estas obras nos revelam alguns temas que foram usados por Tchaikovsky e Stravinsky em outras composições, e que Balakirev denuncia. Você vai ouvindo e de repente fala: “Ei, mas isso é a 4a. sinfonia de Tchaikovsky!” Ou “pensei ter ouvido Petrouchka!”. Não, é música russa que ambos se apropriaram, como fizeram quase todos os nacionalistas, incluindo Villa-Lobos.
Boa audição!

P.S. Acho que este é o primeiro post sobre Balakirev, ele não estava na lista de categorias.

Mily Alexeyevich Balakirev (1837-1910)
CD1
Symphony no.1 in C major
Symphonic Poem “Russia”
CD2
Overture on Three Russian Themes
Symphonic Poem “Tamara”
Symphony no.2 in D minor

The Philharmonia
Yevgeny Svetlanov
Hyperion, 1992

DOWNLOAD HERE
Arquivo FLAC (sem perda de qualidade), 443Mb

Download Complete Booklet

CHUCRUTEN

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!