.: interlúdio :. Jan Garbarek / The Hilliard Ensemble: Officium Novum

Terceiro álbum de uma das combinações de som mais curiosas da música atual: a do saxofonista norueguês Jan Garbarek mais o principal grupo vocal da Grã-Bretanha, The Hilliard Ensemble. O primeiro álbum, Officium, vendeu cerca de 1 milhão de cópias, e foi um dos 20 álbuns clássicos / jazz mais vendidos da primeira década deste século. O saxofone de Garbarek faz uma “quinta voz livre”. O Hilliard é especialista em música sacra barroca e pré-barroca. Com Garbarek, o conjunto não perde seu estilo, mas ganha em alcance musical e emocional. Neste CD, eles vão mais a Oriente. O foco central é a música da Armênia com base em adaptações de Komitas Vardapet, baseando-se tanto na música sacra medieval quanto na tradição do Cáucaso. O Hilliard estudou essas peças durante visitas à Armênia e suas características encoraja alguns voos apaixonados de Garbarek. Também estão incluídas Most Holy Mother Of God de Arvo Pärt em uma leitura a cappella, cantos bizantinos, duas peças de Jan Garbarek, incluindo uma nova versão de We are the stars, além do Alleluia, Nativitas de Perotin. Sou indiferente ao disco, mas tem gente que fica louca por ele.

Jan Garbarek / The Hilliard Ensemble: Officium Novum

01 – Ov zarmanali [Komitas] 04:11
02 – Svjete tihij [Byzantine chant] 04:14
03 – Allting finns [Jan Garbarek] 04:18
04 – Litany 13:06
05 – Surb, surb [Komitas] 06:40
06 – Most Holy Mother of God [Arvo Pärt] 04:34
07 – Tres morillas m’enamoran [Spanish anonymous] 03:32
08 – Sirt im sasani [Komitas] 04:06
09 – Hays hark nviranats ukhti [Komitas] 06:25
10 – Alleluia. Nativitas [Pérotin] 05:20
11 – We are the stars [Jan Garbarek] 04:09
12 – Nur ein Weniges noch [Giorgos Seferis] 00:19 Read By – Bruno Ganz 0:19

Jan Garbarek (sax soprano e tenor)
The Hilliard Ensemble (David James, contra-tenor, Rogers Covey-Crump, tenor, Steven Harrold, tenor, Gordon Jones, barítono)

BAIXE AQUI — DOWNLOAD HERE

Não sabemos se deus os salvará.

Não sabemos se deus os salvará.

PQP

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Copa do Mundo: África do Sul 2010 – Hinos dos Países

Faltam apenas dois dias para começar o maior espetáculo da Terra, palpites à parte, o que interessa aqui é a música, e com essa postagem quero revelar o meu interesse pela música marcial e solene das nações. Nesta seleção, feita especialmente para essa copa, temos representados alguns dos mais belos hinos nacionais já compostos. Infelizmente muitos outros não puderam fazer parte desta lista; esses ficarão para uma outra oportunidade. Aqui, tomei a iniciativa de selecionar os hinos de todos os países que farão parte da Copa do Mundo de 2010. Retirados de uma caixa com 8 cds, lançada em 2005, intitulada “The Complete National Anthems of the World”, todos são muito bem interpretados pela Slovak Radio Symphony Orchestra na regência de Peter Breiner. Não vou destacar nenhuma melodia, ouçam e tirem suas próprias conclusões.

.oOo.

Copa do Mundo: África do Sul 2010 – Hinos dos Países

Grupo A

South Africa
“National anthem of South Africa”
Enoch Sontonga and Reverend ML de Villiers

Mexico
“Himno Nacional Mexicano” (“Mexican National Anthem”)
Jaime Nunó

Uruguay
“Himno Nacional” (“National Anthem”)
Francisco José Debali

France
“La Marseillaise” (“The Song of Marseille”)
Claude Joseph Rouget de Lisle

Grupo B

Argentina
“Himno Nacional Argentino” (“Argentine National Anthem”)
Blas Parera

Nigeria
“Arise O Compatriots, Nigeria’s Call Obey”
Nigerian Police Band, under the directorship of B. E. Odiase

South Korea
“Aegukga” (“The Patriotic Song”) (unofficial)
Ahn Eak-tae

Greece
“Ýmnos eis tīn Eleutherían” (“Hymn to Liberty”)
Nikolaos Mantzaros

Grupo C

England
“God Save the Queen” or King
Unknown

United States
“The Star-Spangled Banner”
John Stafford Smith

Algeria
“Kassaman” (“We Pledge”)
Mohamed Fawzi

Slovenia
“Zdravljica”(7th stanza) (“A Toast”)
Stanko Premrl

Grupo D

Germany
“Das Deutschlandlied” (3rd stanza) (“The Germany Song”)
Joseph Haydn

Australia
“Advance Australia Fair”
Peter Dodds McCormick

Serbia
“Bože pravde” (“God of Justice”)
Davorin Jenko

Ghana
“God Bless Our Homeland Ghana”
Philip Gbeho

Grupo E

Netherlands
“Het Wilhelmus” (“The William”)
Adrianus Valerius

Denmark National
“Der er et yndigt land” (“There is a Lovely Country”)
Hans Ernst Krøyer

Denmark Royal
Kongesangen (“The King’s Anthem”)
Unknown

Japan
“Kimi ga Yo” (“May Your Reign Last Forever”)
Traditional melody of the Meiji period

Cameroon
“O Cameroun, Berceau de nos Ancêtres” (“O Cameroon, Cradle of Our Forefathers”)
René Djam Afame

Grupo F

Italy
“Il Canto degli Italiani” (“The Song of the Italians”)
Michele Novaro

Paraguay
“Paraguayos, República o Muerte” (“Paraguayans, the Republic or Death”)
Françoice Dupuis, and Remberto Giménez

New Zealand
“God Defend New Zealand”
John Joseph Woods

Slovakia
“Nad Tatrou sa blýska” (“Lighting Over the Tatras”)
Folk tune

Grupo G

Brazil
“Hino Nacional Brasileiro” (“Brazilian National Anthem”)
Francisco Manuel da Silva

North Korea
“Aegukka” (“The Patriotic Song”)
Kim Wŏn’gyun

Côte d’Ivoire
“L’Abidjanaise” (“Song of Abidjan”)
Pierre Marie Coty and Pierre Michel Pango

Portugal
“A Portuguesa” (“The Portuguese Song”)
Alfredo Keil

Grupo H

Spain
“La Marcha Real” (“The Royal March”)
Unknown

Switzerland
“Schweizerpsalm” (“Swiss Psalm”)
Alberich Zwyssig

Honduras
“Himno Nacional de Honduras” (“National Anthem of Honduras”)
Carlos Hartling

Chile
“Himno Nacional de Chile” (“National Anthem of Chile”)
Ramón Carnicer

Slovak Radio Symphony Orchestra, Peter Breiner

BAIXE AQUI / DOWNLOAD HERE

Marcelo Stravinsky

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!