“Renaissance Brass” – Scheidt (1578-1654), Weelkes (1576-1623) etc.: canzone, madrigais etc. em quinteto de metais

RenaissanceBrass CAPA-FRENTEGosto demais deste disco! É verdade que o nome e a imagem da capa são enganosos: os instrumentos de metal que temos aqui não são renascentistas: são dois trompetes, uma trompa, um trombone e uma tuba, todos modernos, que constituem o quinteto da Eastman School of Music, de Rochester, estado de New York.

Mas ao dizer que a capa não corresponde ao conteúdo, não estou dizendo que o conteúdo seja de má qualidade: dentro de sua proposta, é impecável!

Transcrevendo das notas de Joel Israel Cohen na capa deste vinil de 1967:

   Para os puritanos meados do século XX, a ideia de transcrever música de um meio para outro é definitivamente suspeita: a memória de um passado recente em que orquestras de bandolins tocavam rondós de Mozart e pianolas martelavam a Nona de Beethoven ainda persiste e causa estremecimentos embaraçados. Queremos nossa música pura e precisa, com os legatos do segundo oboé exatamente como o compositor os escreveu.

   Outras épocas, no entanto, foram decididamente indiferentes a isso. Durante a Idade Média, Renascimento e Barroco inicial a troca (interchangeability) dos meios de execução era antes a regra do que exceção. Uma composição podia ser cantada, soprada, dedilhada ou friccionada, dependendo das forças que houvesse à mão; nem parece ter existido a ideia da coloração sonora real, verdadeira e autêntica para uma determinada peça. Os madrigais de Thomas Weelkes, por exemplo: embora tenham sido escritos como música vocal, podiam ser e provavelmente eram executados também por instrumentos, e embora o compositor não fosse familiarizado com o timbre dos instrumentos de metal modernos, é improvável que ele fizesse objeção à presente reencarnação de suas obras.

Enfim: o monge Ranulfus acha isso extraordinariamente bonito, e sente algo assim como um efeito tranquilizante, consolador, ao ouvir essas frases com esses timbres. E espera que entre nossos leitores também haja quem venha a gostar!

“Renaissance Brass”
German and English music of the late renaissance “for brass”

  • MÚSICA ALEMÃ: Samuel Scheidt (1587-1654)
    A01 Canzona Gallicam 04’45
    A02 Benedicamus Domino 5’12
    A03 Galliard Battaglia 01’32
    A04 Wendet euch um ihr Äderlein 02’00
    A05 Canzona Aethiopicam 04’36
    A06 Canzona Bergamasca 04’35
  • MÚSICA INGLESA: Thomas Weelkes (1576-1623)
    B01 In Pride of May 01’58
    B02 O Care, Thou Wilt Despatch Me 02’15
    B03 Sit Down and Sing 01’09
    B04 Death Hath Deprived Me 04’43
    B05 As Wanton Birds 01’24
  • MÚSICA INGLESA: diversos
    B06 William Simmes (1575-1625): Fantasie 02’08
    B07 Alphonso Ferrabosco Jr (1575-1628): Four Note Pavan 02’12
    B08 Anthony Holborne (1545-1602): Galliard 01’54
    B09 John O’Koever (?-?): Fantasie 02’28
    B10 Orlado Gibbons (1583-1625): In Nomine 03’34

EASTMAN BRASS QUINTET
Daniel Patrylak and Philip Collins, trompetes
Verne Reynolds, trompa
Donald Knaub, trombone
Cherry Beauregard, tuba

Gravado em Nova York em setembro de 1967
Digitalizado por Ranulfus em junho de 2016

. . . . . . . BAIXE AQUI (download here) – FLAC

. . . . . . . BAIXE AQUI (download here) – MP3 320 kbps

Ranulfus

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Guia dos Instrumentos antigos 2/8 – Renascença: danças e balés

ES-PE-TA-CU-LAR !!!

Livro com oito CDs fenomenalmente cedido pelo internauta Camilo Di Giorgi! Não tem preço!!!

Os arquivos foram todos renomeados e o livro tem o texto reconhecível graças ao trabalho do Igor Freiberger! Mais uma contribuição impagável!

Tem na Amazon: aqui.

Estamos na segunda postagem deste belíssimo Guia dos Instrumentos Antigos, com o CD dedicado às danças e balés do Renascimento. Tão bom ou melhor que o primeiro!
E o nível não vai cair. Vai nesse padrão até o final

Viuela de roda, ilustrações da página 44 do livro e instrumento da faixa 10 deste 2º CD.

Não se esqueça e não perca os próximos capítulos! Uma postagem com cada CD por dia, do domingo (ontem) até o domingo que vem, quando disponibilizaremos o livro escaneado integralmente também.

Já falei um tanto na primeira postagem. Agora não tem muito mais o que falar. Só ouvir essas raridades!
Então, ouça! Leia! Estude! Espalhe, divulgue e… Deleite-se!

Guide des Instruments Anciens – CD2
Renascença: danças e balés

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE – PQPShare 180Mb

Perdeu o primeiro CD? Está AQUI.

Não comentou ainda? Comentou a primeira e ainda está empolgado e quer voltar a escrever algo? Não se avexe: pode comentar: a gente adora!

Mas a bunda dela tá meio “escorrida”, não?

Avicenna & Bisnaga

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Commedia Musicale – Banchieri, Vecchi, Dowland, Holborne, etc.

Quando a gente encontra um CD com este nome, o mínimo que se espera é que ele seja engraçado. Este tem alguns bons momentos de comédia, mas acaba mesmo por surpreender pela qualidade do Musica Antiqua Ambergensis. Um disco bem divertido, ao gosto de Clara Schumann e seus elisabetanos.

Commedia Musicale

1 Chi brama Havere (Banchieri)
2 Qui vi siamo (Banchieri)
3 Contraponto bestiale (Banchieri)
4 Pastorella (anonym)
5 Mag ich, Herzlieb (Senfl)
6 Geigt auf (Wipacher)
7 Herzlieb zu dir allein (HaЯler)
8 Padouana-Gagliarda-Courente-Allemande-Tripla (Schein)
9 So dir mein liebes Brьderlein (Schein)
10 E voi Signora Laura (Vecchi)
11 Villanella (Vecchi)
12 O che sciolta favella (Vecchi)
13 A l’entrada (anonym)
14 Ce fu en mai (Moniot d’Arras)
15 Bransles (Caroubel)
16 Lágrimas (Cebrián)
17 Awake, sweet love (Dowland)
18 Fine knacks for ladies (Dowland)
19 Alman (Holborne)
20 Woeful heart (Dowland)
21 Shall I sue (Dowland)
22 Loccke up, fair lids (Peerson)
23 Fate silencio (Vecchi)
24 Si grav’ e’l mio dolore (Vecchi)
25 Viva la gioia (Vecchi)
26 Di marmo sete voi (Vecchi)
27 Qual’honor (Vecchi)

Musica Antiqua Ambergensis

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!

Viva l’amore – Música dos Séculos XVI e XVII

Mais um belo CD da Opus 111, desta vez focalizado na música inglesa. Confesso que não entendi bem o nome do CD que é inteira e autenticamente inglês. É um bonito disco, com os delicados temas sendo levados pelos extraordinários Flanders Recorder Quartet e Toyohiko Satoh (alaúde). É um recomeço delicado de um P.Q.P. Bach pós-férias. Ainda preguiçoso, ele vem com uma música que pensa ser matinal, sem explicar por quê. Enjoy!

Faixas:

1 Pastyme with good companye
Composed by King of England Henry VIII
Performed by Flanders Recorder Quartet

2 Helas Madam
Composed by King of England Henry VIII
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Philippe Malfeyt

3 (5) Fantasias a 5
Composed by Jeronimo Bassano
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

4 Let not us that young men be
Composed by Anonymous

5 Pavan
Composed by Lodovico Bassano
with Toyohiko Satoh

6 Madame d’amours
Composed by Anonymous
Performed by Flanders Recorder Quartet

7 Galliard, `Passion’
Composed by Antony Holborne
with Toyohiko Satoh

8 Pavana Ploravit
Composed by Antony Holborne
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

9 Galliard, `Sic semper soleo’
Composed by Antony Holborne
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

10 Almain, ‘(The) Choise’
Composed by Antony Holborne
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

11 Almain, ‘(The) Honiesuckle’
Composed by Antony Holborne
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

12 Galliard, `The Fairie-round’
Composed by Antony Holborne
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

13 Pavan
Composed by Alfonso I Ferrabosco
with Toyohiko Satoh

14 Di sei bassi
Composed by Alfonso I Ferrabosco
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

15 Interdette speranze
Composed by Alfonso I Ferrabosco
Performed by Flanders Recorder Quartet

16 Pavan
Composed by Augustine Bassano
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen, Katherine Rooman

17 Almande No. 15
Composed by Jeronimo Bassano
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen, Katherine Rooman

18 Almande No. 22
Composed by John Coprario
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen, Katherine Rooman

19 Mon coeur se recommande
Composed by Orlande de Lassus
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

20 Puzzle-canon I
Composed by John Lloyd
Performed by Flanders Recorder Quartet

21 Puzzle-canon II
Composed by John Lloyd
Performed by Flanders Recorder Quartet

22 Nell piu fiorito Aprile
Composed by Luca Marenzio
Performed by Flanders Recorder Quartet

23 Phancy
Composed by Edward Blancks
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

24 Saltavan Ninfe, Satiri e Pastori
Composed by Orazio Vecchi
Performed by Flanders Recorder Quartet
with Peter van Heyghen

25 A Fancy I
Composed by James Harden
Performed by Flanders Recorder Quartet

26 A Fancy II
Composed by James Harden
Performed by Flanders Recorder Quartet

Flanders Recorder Quartet
Bart Spanhove
Paul Van Loey
Joris Van Goethem
Fumihari Yoshimine
and with
Peter van Heyhen,
Geert van Gele,
Katherine Rooman

Capilla Flamenca
Katelijne Van Laethem – Soprano
Marnix De Cat – Countertenor
Jan Caals – Tenor
Jan Van Elsacker – tenor
Lieven Termont – Baritone
Dirk Snellings – Bass
Toyohiko Satoh – Lute
Philippe Malfeyt – Lute

BAIXE AQUI – DOWNLOAD HERE

Gostou deste texto? Então ajude a divulgar!